Renato debocha do Presidente do Inter em entrevista após vitória do Grêmio sobre o Juventude

1773

A coletiva de imprensa de Renato Portaluppi, após a vitória por 1 a 0 sobre o Juventude, teve um momento de ironia em resposta às declarações do presidente do Internacional, Alessandro Barcellos. Na semana anterior, Barcellos mencionou indiretamente o treinador gremista ao defender a folga estendida de Eduardo Coudet.

Em sua resposta, Renato Portaluppi fez questão de ressaltar sua pontualidade e ausência de faltas por conta de atividades como o futevôlei. Ele também ironizou a referência ao presidente colorado, alegando desconhecimento e afirmando que só ouviu falar dele pela conta do vidraceiro do Beira-Rio para pagar os vidros.

O episódio começou quando Barcellos explicou a ausência de Coudet na primeira semana de pré-temporada do Internacional, citando questões familiares. Durante a explicação, o presidente cutucou Renato ao mencionar o futevôlei, esporte que o treinador gremista já praticou em folgas no Rio de Janeiro, onde reside.

Renato, por sua vez, rebateu as declarações com sarcasmo, destacando a prioridade dada a questões familiares em relação a atividades como o futevôlei. A resposta de Renato Portaluppi ganhou destaque e marcou mais um capítulo na rivalidade entre Grêmio e Internacional.

– Tem coisas e coisas sadias. Primeiro, eu nunca cheguei atrasado e nunca faltei por estar jogando futevôlei. Segundo, para jogar futevôlei tem que ter muita qualidade. Terceiro, eu nem conheço o presidente do Inter. Se passar aqui na frente eu não sei quem é. Eu já ouvi falar dele pela conta do vidraceiro do Beira-Rio para pagar os vidros. Só isso. Próxima – declarou Renato.

Assista a fala ironica de Renato Portaluppi, vídeo abaixo: