Inter confirma lesões importantes para a decisão contra o Juventude

1194

A possibilidade de o Internacional contar com seu estelar ataque para o jogo de volta da semifinal do Gauchão parece remota. As lesões de Valencia e Alario, além da indisponibilidade de Borré por não estar inscrito no campeonato, deixam o técnico Eduardo Coudet com poucas opções. A alternativa mais provável é o jovem Lucca assumir a posição de centroavante para enfrentar o Juventude, na próxima segunda-feira, às 21h30min, no Beira-Rio.

Valencia, desconvocado da seleção equatoriana devido a dores no pé direito, vem passando por tratamento intensivo, o que já é encarado como uma boa notícia no clube, dada a complexidade de sua situação. Já Alario, que deixou o jogo contra o Juventude mancando, voltou a sentir dores no joelho e aguarda exames para determinar a gravidade da lesão. Enquanto isso, Borré não pode atuar no Gauchão por não estar inscrito.

Assim, resta a Lucca, de 20 anos, a responsabilidade de liderar o ataque colorado. O jogador, que já soma 43 partidas com a camisa do Inter, terá uma oportunidade crucial em sua jovem carreira. Eduardo Coudet já elogiou o desempenho de Lucca em partidas anteriores e o vê como uma opção promissora para a equipe.

Alan Patrick, embora seja meio-campista, tem sido utilizado como segundo atacante, contribuindo tanto na criação quanto na finalização das jogadas. O meia continuará desempenhando essa função mais avançada contra o Juventude, mantendo-se como uma peça importante no esquema tático de Coudet.

Com Valencia, Alario e Borré fora de combate, e Lucca assumindo a posição de centroavante, o Internacional terá que confiar em sua profundidade de elenco para superar o desafio da semifinal do Gauchão e buscar a vaga na final.