Direção do Inter abre o jogo sobre possível contratação de Daniel Alves

A diretoria do Inter nega que o clube tenha feito investida pelo lateral-direito Daniel Alves, 38 anos, sem time desde que rescindiu com o São Paulo. Segundo o estafe do atleta, quatro equipes brasileiras e duas estrangeiras tentam fechar com o jogador para o restante da temporada. Ele fez seis jogos pelo Brasileirão e estaria apto a jogar no segundo turno.

O vice de futebol do Inter, Emílio Papaleo, em contato com GZH, diz que “não há nada sobre Daniel Alves” nos bastidores do clube. Mais cedo nesta segunda-feira (20), o próprio dirigente havia elogiado o atleta ao site Goal.com.

— É um excelente jogador, mesmo com 38 anos ele é um atleta que se cuida, lembra o Zé Roberto (ex-meia). É uma liderança positiva no grupo. Seria um belo reforço, mas tem salário muito alto. Acho que assim fica inviável — disse Papaleo ao Goal.com.

Jogador com mais títulos coletivos conquistados na história do futebol mundial e recentemente campeão olímpico pela seleção brasileira em Tóquio, Daniel Alves estaria na mira de Athletico-PR, Flamengo e Fluminense. A rescisão com o São Paulo ainda renderá cerca de R$ 24 milhões parcelados ao jogador.