Diego Aguirre será o técnico da seleção Uruguaia

A Federação Uruguaia afunilou a disputa pela sucessão de Oscar Tabarez, depois de quinze anos de comando do Maestro na Celeste Olímpica, e Diego Aguirre deve ser o substituto depois do final do Campeonato Brasileiro. O martelo não está batido, mas as informações que chegam de Montevidéu são de que o treinador do Internacional será o comandante do Uruguai nas quatro últimas rodadas das eliminatórias. E na Copa do Mundo, se alcançar a classificação.

A confirmação da informação pode também deixar Marcelo Gallardo no mercado, para eventuais contatos do Flamengo, se assim o clube da Gávea decidir.

Diego Aguirre reassumiu o Internacional em junho, na quinta rodada do Brasileirão, em 13o lugar. Chegou a ocupar a sexta posição e agora está em nono. Antes, Aguirre dirigiu o Internacional em 2015, quando levou o clube à semifinal da Libertadores. Por ter duas passagens pelo Beira Rio, ter levado o Atlético Mineiro às quartas-de-final da Libertadores 2016 e ter dirigido o São Paulo em 2018, Aguirre parece um técnico estrangeiro/brasileiro.

Mas não se deve esquecer que, apesar de ter jogado no Brasil nas décadas de 1980 e 1990, Aguirre apareceu para o mercado de treinadores ao levar o Peñarol à final da Libertadores de 2011, contra o Santos. Foi a primeira classificação de um clube uruguaio para a decisão do mais importante torneio de clubes em 23 anos.

De qualquer maneira, Aguirre será o treinador colorado até o final do Brasileirão.